Portal do Governo Brasileiro
2012 - Livro Vermelho 2013

Aechmea caudata Lindm. LC

Informações da avaliação de risco de extinção


Data: 12-04-2012

Criterio:

Avaliador: Miguel d'Avila de Moraes

Revisor: Tainan Messina

Analista(s) de Dados: CNCFlora

Analista(s) SIG:

Especialista(s):


Justificativa

Ocorre na Mata Atlântica do ES, RJ,SP, PR, SC e RS, sendo encontrada em floresta ombrófila densa. Possui ampla distribuição. Assim foi avaliada como "Menos preocupante" (LC).

Taxonomia atual

Atenção: as informações de taxonomia atuais podem ser diferentes das da data da avaliação.

Nome válido: Aechmea caudata Lindm.;

Família: Bromeliaceae

Sinônimos:

  • > Aechmea platzmannii ;
  • > Ortgiesia caudata ;

Mapa de ocorrência

- Ver metodologia

Informações sobre a espécie


Notas Taxonômicas

Dados populacionais

Segundo Kersten (2006) em estudo sobre epífitas no alto Iguaçu localizado entre as coordenadas 25º21' 26º02' S; 48º51' 50º14' W, a espécie possui dominância absoluta de 44 indivíduos; frequência nas zonas de 3% e frequência nos forófitos de 15%; neste estudo, Bromeliaceae foi a terceira família com maior valor de importância.

Distribuição

Endêmica do Brasil, de ocorrência em Mata Atlântica, nos Estados do Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul (Forzza et al., 2010) sendo encontrada em floresta ombrófila densa (Martinelli et al., 2008) e em áreas montanas ecotonais com floresta ombrófila mista (Kersten, 2006).

Ecologia

Epífita (J.L. Schmitt 1999; FURB 24840), terrícola (Kozera, C. 1408; UPCB 44272), saxícola (Sucre, D. 4725; RB 123692).

Ações de conservação

1.2.1.3 Sub-national level
Situação: on going
Observações: A espécie foi considerada "Em Perigo" (EN) na Lista vermelha da flora do Rio Grande do Sul (CONSEMA-RS, 2002).

4.4 Protected areas
Observações: A espécie é encontrada no Parque Estadual do Rio da Onça, uma área de 118,50 ha de remanescentes de floresta ombrófila densa de baixada, no município de Matinhos - PR.

Referências

- KERSTEN, R. A. Epifitismo Vascular na Bacia do Alto Iguaçu, Paraná. Tese de Doutorado. Curitiba: Universidade Federal do Paraná, 2006.

- MARTINELLI, G. ET AL. Bromeliaceae da Mata Atlântica Brasileira: Lista de Espécies, Distribuição e Conservação. Rodriguésia, v. 59, n. 1, 2008.

- REITZ, R. Bromeliáceas e a Malária - Bromélia Endêmica. 1983. 808 p.

- FORZZA, R.C.; COSTA, A.; SIQUEIRA-FILHO, J.A.; MARTINELLI, G. Bromeliaceae in Lista de Espécies da Flora do Brasil. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Disponivel em: <http://floradobrasil.jbrj.gov.br/2010/FB027600>.

- CONSELHO ESTADUAL DO MEIO AMBIENTE, RIO GRANDE DO SUL. Decreto estadual CONSEMA n. 42.099 de 31 de dezembro de 2002. Declara as espécies da flora nativa ameaçadas de extinção no estado do Rio Grande do Sul e da outras providências, Palácio Piratini, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, 31 dez. 2002, 2002.

Como citar

CNCFlora. Aechmea caudata in Lista Vermelha da flora brasileira versão 2012.2 Centro Nacional de Conservação da Flora. Disponível em <http://cncflora.jbrj.gov.br/portal/pt-br/profile/Aechmea caudata>. Acesso em .


Última edição por CNCFlora em 12/04/2012 - 18:54:40