Portal do Governo Brasileiro
2012 - Livro Vermelho 2013

Aechmea lingulata (L.) Baker DD

Informações da avaliação de risco de extinção


Data: 12-04-2012

Criterio:

Avaliador: Miguel d'Avila de Moraes

Revisor: Tainan Messina

Analista(s) de Dados: CNCFlora

Analista(s) SIG:

Especialista(s):


Justificativa

Siqueira Filho; Leme (2006) apontaram a existência de um "complexo A. lingulata", devido à confusão na identificação de grande parte das coleções de herbário; este complexo é composto de 19 espécies, que têm sido identificadas erroneamente como sendo apenas A. lingulata. Os autores sugeriram que estudos sistemáticos com plantas vivas serão essenciais para a correta identificação destes táxons e solução deste complexo. Destas 19 espécies, Aechmea lingulata seria a espécie mais comum e de distribuição mais ampla do grupo (Wendt, com.pess.). A espécie foi avaliada como "Deficiente de dados" (DD).

Taxonomia atual

Atenção: as informações de taxonomia atuais podem ser diferentes das da data da avaliação.

Nome válido: Aechmea lingulata (L.) Baker;

Família: Bromeliaceae

Sinônimos:

  • > Aechmea poeppigii ;
  • > Billbergia odora ;
  • > Bromelia lingularia ;
  • > Bromelia lingulata ;
  • > Chevaliera lingulata ;
  • > Hohenbergia odora ;
  • > Lamprococcus ramosus ;
  • > Wittmackia lingulata ;
  • > Wittmackia odora ;
  • > Wittmackia poeppigii ;

Mapa de ocorrência

- Ver metodologia

Informações sobre a espécie


Notas Taxonômicas

Siqueira Filho; Leme (2006) apontaram a existência de um "complexo A. lingulata", devido à confusão na identificação de grande parte das coleções de herbário; este complexo é composto de 19 espécies, que têm sido identificadas erroneamente como sendo apenas A. lingulata. Os autores sugeriram que estudos sistemáticos com plantas vivas serão essenciais para a correta identificação destes táxons e solução deste complexo. Destas 19 espécies, Aechmea lingulata seria a espécie mais comum e de distribuição mais ampla do grupo (Wendt, com.pess.).

Distribuição

No Brasil a espécie ocorre na Amazônia, exclusivamente no Estado do Amapá (Forzza et al., 2010).

Ecologia

Erva terrestre, heliófila (Martinelli, G. 15345; ASE 12892), epífita, ciófila (Martinelli, G. 15084; JPB 35664)

Ações de conservação

1.2.1.3 Sub-national level
Situação: on going
Observações: A espécie foi considerada "Presumivelmente Extinta" (PE) na Lista vermelha da flora de São Paulo (SMA-SP, 2004).

Referências

- SECRETARIA DE ESTADO DO MEIO AMBIENTE, SÃO PAULO. SMA-SP. RESOLUçãO SMA N. 48 DE 2004. Lista oficial das espécies da flora do Estado de São Paulo ameaçadas de extinção, Diário Oficial do Estado de São Paulo, São Paulo, SP, 2004.

- SIQUEIRA-FILHO, J. A.; LEME, E. M. C. Fragmentos da Mata Atlântica do Nordeste - Biodiversidade, Conservação e suas Bromélias. Andrea Jakobsson Estúdio, 2006. 360 p.

- MARTINELLI, G.; VIEIRA, C. M.; LEITMAN, P. ET ALSTEHMANN, J. R.; FORZZA, R. C.; SALINO, A. ET AL. Bromeliaceae. 2009. 186 p.

- FORZZA, R.C.; COSTA, A.; SIQUEIRA-FILHO, J.A.; MARTINELLI, G. Bromeliaceae in Lista de Espécies da Flora do Brasil. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Disponivel em: <http://floradobrasil.jbrj.gov.br/2010/FB016569>.

Como citar

CNCFlora. Aechmea lingulata in Lista Vermelha da flora brasileira versão 2012.2 Centro Nacional de Conservação da Flora. Disponível em <http://cncflora.jbrj.gov.br/portal/pt-br/profile/Aechmea lingulata>. Acesso em .


Última edição por CNCFlora em 12/04/2012 - 13:34:03