Portal do Governo Brasileiro
2012 - Livro Vermelho 2013

Maytenus brasiliensis Mart. LC

Informações da avaliação de risco de extinção


Data: 17-08-2012

Criterio:

Avaliador: Luiz Antonio Ferreira dos Santos Filho

Revisor: Tainan Messina

Analista(s) de Dados: CNCFlora

Analista(s) SIG:

Especialista(s):


Justificativa

Maytenus brasiliensis caracteriza-se por arbustos ou árvores. Amplamente distribuída nos Estados da Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Restrita do bioma Mata Atlântica, ocorre em florestas semidecíduas e ombrófilas densas, habitando em regiões de mata litorânea. Apresenta EOO de 295.219,26 km². Protegida por unidades de conservação (SNUC). Bem representada em coleções científicas, inclusive com registros de coleções recentes. Há estudos populacionais ressaltando a ocorrência de consideráveis subpopulações em áreas protegidas. Apesar da intensa supressão e fragmentação de seus habitats, não se encontra ameaçada no contexto nacional.

Taxonomia atual

Atenção: as informações de taxonomia atuais podem ser diferentes das da data da avaliação.

Nome válido: Monteverdia brasiliensis (Mart.) Biral;

Família: Celastraceae

Sinônimos:

  • > Maytenus brasiliensis ;
  • > Maytenus commutata ;

Mapa de ocorrência

- Ver metodologia

Informações sobre a espécie


Notas Taxonômicas

Acaracterística taxonômica utilizada no reconhecimento de M. brasiliensis são:ramos novos achatados, subangulosos e quando adultos cilindro-achatados, folhascom pecíolos curtos e inflorescências em fascículos subsésseis com poucasflores (Carvalho-Okano, 1992).

Distribuição

Ocorre nos Estados da Bahia, Minas Gerais, Espírito Santo, São Paulo e Rio de Janeiro (Lombardi et al., 2012 ).

Ecologia

Maytenus brasiliensis é um arbusto ou árvore com cerca de6 m de altura. Folhas membranáceas a subcartáceas, glabras, oblongo-elípticas.Inflorescências em fascículos subsésseis com três a quatro flores (Carvalho-Okano, 1992). Possui floração em novembro e dezembro e frutificação de julho a agostoe março a abril (Talora; Morellato, 2000). Espéciesecundária tardia, com dispersão zoocórica (Dan et al., 2010). A espécie habita região de mata litorânea (Carvalho-Okano, 1992), Florestas Semidecíduas e Ombrófilas Densas (Joffily; Vieira, 2006).

Ameaças

1 Habitat Loss/Degradation (human induced)
Detalhes As florestas estacionais semideciduais no Estado do RJ, apenas 10% desua área original estão vegetada e extremamente fragmentadas, com cerca de 50%dos remanescentes florestais com no máximo 100 ha distribuídos em uma matrizpredominantemente agrária (Dan et al., 2010).

Ações de conservação

1.2.1.3 Sub-national level
Situação: on going
Observações: "Vulnerável" (VU), segundo a Lista vermelha da flora de São Paulo (SMA-SP, 2004).

Referências

- CARVALHO-OKANO, R.M.D. Estudos Taxonômicos do gênero Maytenus Mol. emend. Mol. (Celastraceae) do Brasil extra-amazônico. Tese de doutorado. Campinas, SP: Universidade Estadual de Campinas, 1992.

- DINIZ, F.V. Composição e estrutura fitossociológica da regeneração natural na floresta de Restinga Alta em Picinguaba (Parque Estadual da Serra do Mar), município de Ubatuba, SP, Brasil. Dissertação de mestrado. Rio Claro, SP: Universidade Estadual Paulista, 2009.

- JOFFILY, A.; VIEIRA, R.C. Lectotypification of Goniodiscus elaeospermus and New Synonyms for Maytenus (Celastroideae-Celastraceae) from Brazil. Kew Bulletin, v. 61, n. 2, p. 265-267, 2006.

- TALORA, D.C.; MORELLATO, L.P.C. Fenologia de espécies arbóreas em floresta de planície litorânea do sudeste do Brasil. Revta brasil. Bot., v. 23, n. 1, p. 13-26, 2000.

- SILVA, G.C.; NASCIMENTO, M.T. Fitossociologia de um remanescente de mata sobre tabuleiros no norte do estado do Rio de Janeiro (Mata do Carvão). Revta brasil. Bot., v. 24, n. 1, p. 51-62, 2001.

- CARVALHO, F.A.; BRAGA, J.M.A.; GOMES, J.M.L.; SOUZA, J.S.; NASCIMENTO, M.T. Comunidade arbórea de uma floresta de baixada aluvial no município de Campos dos Goytacazes, RJ. Cerne, v. 12, n. 2, p. 157-166, 2006.

- DAN, M.L.; BRAGA, J.M.A.; NASCIMENTO, M.T. Estrutura da comunidade arbórea de fragmentos de floresta estacional semidecidual na bacia hidrográfica do rio São Domingos, Rio de Janeiro, Brasil. Rodriguésia, v. 61, n. 4, p. 749-766, 2010.

- LOMBARDI, J.A.; GROPPO, M.; BIRAL, L. Celastraceae in Lista de Espécies da Flora do Brasil. Disponivel em: <http://floradobrasil.jbrj.gov.br/2012/FB006751>. Acesso em: 29/05/2012.

- SECRETARIA DE ESTADO DO MEIO AMBIENTE, SÃO PAULO. SMA-SP. RESOLUçãO SMA N. 48 DE 2004. Lista oficial das espécies da flora do Estado de São Paulo ameaçadas de extinção, Diário Oficial do Estado de São Paulo, São Paulo, SP, 2004.

Como citar

CNCFlora. Maytenus brasiliensis in Lista Vermelha da flora brasileira versão 2012.2 Centro Nacional de Conservação da Flora. Disponível em <http://cncflora.jbrj.gov.br/portal/pt-br/profile/Maytenus brasiliensis>. Acesso em .


Última edição por CNCFlora em 17/08/2012 - 17:45:19